Os devaneios de Teseu

Colunas…

Não direi o que é certo ou errado, o que essa sociedade esdrúxula do século XXI julga ser essencial para sobreviver. Aquilo que realmente vocês precisam está nas pequenas coisas, não na resposta, mas sim na pergunta.

Começarei reeducando a maneira como vocês vêem as coisas. As vezes é necessário parar e pensar como um outro alguém para realmente fazer não só aquilo que te fará bem, mas bem ao próximo também.

Contarei de muitas de minhas experiências vividas no seu presente, mas com meus olhos.

No berço da sociedade, aqui em Roma não nós, filósofos, poetas, guerreiros não pensamos por um, por todos. Sabemos que não estamos, nunca, nem em nossa mente sozinhos.